Na corrida mundial contra as mudanças climáticas, os métodos e soluções de construção verde estão conquistando espaço e crescendo a índices sem precedentes. Em 2027, esse mercado deve atingir a cifra de US$ 425,4 bilhões globalmente, quase o dobro da receita gerada em 2020, segundo relatório do instituto Research and Markets.

De uma forma resumida, construção verde significa uso de materiais sustentáveis para erguer edifícios, materiais estes que vão durar mais tempo e terão efeitos negativos mínimos sobre o meio ambiente. Mas, acima de tudo, vão reduzir o consumo de recursos como energia e água, gerar menos resíduos e serem recicláveis.

Exemplos dessas soluções, os telhados térmicos de aço PIR são protagonistas desse movimento por uma construção mais sustentável. Além de serem atraentes, leves, duráveis e resistentes ao fogo, as telhas PIR do tipo sanduíche são recheadas por uma espuma rígida chamada poliisocianurato (PIR), o material mais avançado do mundo hoje em isolamento térmico e acústico.

Combinadas ao aço, melhoram o desempenho energético do edifício de forma substancial. Isso ocorre porque refletem grandes quantidades de radiação solar, o que propicia um conforto térmico expressivo – em muitos casos, dependendo de outros elementos construtivos, podendo chegar a menos 10ºC no ambiente interno.

Esse fator, por sua vez, provoca uma redução nos custos de aquecimento ou resfriamento dos ambientes de até 45% em comparação com os telhados convencionais. Além disso, os telhados isotérmicos são uma solução extremamente durável, exigindo baixa manutenção e chegando a uma vida útil de décadas. Produtos e materiais com uma maior vida útil são uma das premissas da economia de baixo carbono.

A maioria dos painéis de telhado de metal dura duas ou três vezes mais do que um telhado de cerâmica, por exemplo. E há pouca ou nenhuma lixiviação quando a água da chuva escorre de um telhado de metal, de modo que alguns proprietários de edifícios particularmente ecologicamente corretos coletam a água da chuva usando um sistema de coleta integrado ao projeto do edifício.

Além disso, as telhas metálicas são totalmente recicláveis, assim como todas as peças de aço. Ao fim de seu longo ciclo de vida, podem ser vendidas como sucata, sendo derretidas para criar outros produtos de metal, como eletrodomésticos, encanamentos e móveis, ou mesmo sendo usadas como matéria-prima para produção de aço em fornos elétricos, reduzindo a dependência de minério de ferro.

Contato

Tel.: (32) 3532-6362
WhatsApp: (32) 98420-4422

Endereço
Rodovia Km 6, Ubá – MG, CEP 36500-000

Receba nossas novidades por e-mail

Falar conosco
Precisa de ajuda?
Olá, podemos te ajudar?